A insuficiência hepática é das doenças mais graves que acometem o fígado. É uma condição em que as funções do órgão ficam severamente comprometidas e em que o processo de desintoxicação do organismo fica debilitado e ineficaz.

A sinfuciência hepática pode ser aguda ou crónica e cada uma pode ser de natureza benigna ou maligna.

Quando a condição é crónica desenvolve-se ao longo de meses, por sua vez quando é aguda pode ser fulminante e deteriorar o fígado em menos de 1 mês.

É uma doença com uma taxa de mortalidade elevada e que obriga frequentemente ao transplante do fígado.

Quais são as causas de insuficiência hepática?

As causas conhecidas mais comuns são:
1. Hepatite viral (causada por um vírus)
2. Cirrose hepática alcoólica ou não
3. Intoxicação severa por medicação
4. Lesões por consumo excessivo de álcool e/ou drogas

Sendo que pode ser originada por causas desconhecidas.

Sintomas gerais de Insuficiência Hepática:

1. Icterícia (pele e olhos com tom amarelado)

2. Odor corporal diferente do habitual (odor a bolor)
3. Ascite (acumulação de líquidos na região abdominal)

4. Presença de sangue nas fezes (provenientes do estômago e intestinos)
5. Náuseas
6. Vómitos
7. Desconforto abdominal
8. Cansaço e fraqueza
9. Falta de apetite
10. Edemas (inchaços)



Sinais de Alerta de Insuficiência Hepática:

Insuficiência leve a moderada:
1. Aumento das bilirrubinas
2. Hipoglicemia
3. Baixa concentração de albumina (hipoalbuminémia)
4. Distúrbios de coagulação do sangue
5. Insuficiência renal (se for do seu interesse, consulte: Sintomas de Insuficiência Renal crónica)
6. Hemorragias gastrointestinais
7. Acidose lática



Insuficiência grave:
1. Encefalopatia hepática (síndrome neuropsiquiátrica que ocorre em consequência de falência hepática)
2. Depressão do sistema nervoso central
3. Distúrbios da função neuromuscular



Como é realizado o diagnóstico?

O diagnóstico de insuficiência hepática é realizada a partir da análise dos sintomas descritos pelo paciente e por exames ao sangue, de modo a averiguar: os valores das bilirrubinas, hipoglicemia ou hiperglicemia, acidose lática, alterações da creatinina, ureia, albumina, dosagem dos eletrólitos, entre outras informações.

Partilhe e ajude os seus amigos a conhecerem os sinais de alerta de insuficiência hepática!

PARTILHE!

Alerta Saúde

O portal Alerta Saúde tem a missão basilar de zelar e cuidar da Saúde dos portugueses. Através do compromisso de divulgação de conteúdo fidedigno da área da Saúde, como também através da disponibilização aos seus utilizadores dos meios necessários para que acedam de forma célere e intuitiva aos conteúdos pretendidos.