É importante perceber-se quais as causas do cansaço contínuo de forma a saber que tipo de comportamentos e hábitos devem ser evitados ou eliminados.

Nesse sentido, o cansaço contínuo ou crónico é dos sintomas mais comuns da ansiedade e não é necessário a presença de algum distúrbio de ansiedade para sentir-se cansaço de forma permanente.

A ansiedade é uma sensação de mal estar psíquico que se carateriza pelo receio de um perigo real ou imaginário. Outra causa comum do cansaço é a depressão.

Muitas das causas comuns do cansaço estão relacionadas com desafios psíquicos que provocam ansiedade ou stress, como por exemplo:

1. Ter de tomar uma decisão difícil. Estar perante uma situação de indecisão que vai gerar preocupação e stress.

2. Ter um choque emocional: más notícias, perda de emprego, fim de uma relação, perda de um familiar, entre outros.

3. Não receber o reconhecimento que acha justo, quer em termos de trabalho como em termos pessoais.

4. Exigir demasiado de si. Ter objetivos é fundamental, mas é importante que sejam tangíveis, caso contrário podem provocar frustração elevada.

5. Descansar tempo a mais durante o dia a ponto de prejudicar o sono quando chega a noite.

6. Perda ou ganho de peso repentino ou exagerado.

Os hábitos que deve eliminar do seu dia a dia consistem em comportamentos que estimulam ansiedade e/ou stress.



Hábitos a evitar/eliminar relacionados com a alimentação:

1. Não tomar o pequeno almoço ou tomar o pequeno almoço à pressa
Certamente que já ouviu dezenas ou centenas de vezes que o pequeno almoço é das refeições mais importantes do dia. Se ouviu no passado e continua a ouvir, é porque é realmente preponderante.

Há muitas pessoas que afirmam que bebem, por exemplo, um copo de leite e não sentem necessidade de ingerir mais nenhum alimento, porque até nem têm muito apetite ao acordar.

Falta de apetite pela manhã é uma questão de hábito. Se começar a reservar tempo da sua manhã para ingerir um bom pequeno almoço, o seu organismo vai habituar-se a ter apetite pela manhã.

2. Comer demasiado nas refeições principais
Se comer em demasia, o processo digestivo irá consumir mais energias do que o suposto provocando sintomas como sonolência e cansaço.

3. Não fazer o número de refeições suficientes por dia
Só almoçar e jantar é um péssimo hábito que não garante um nível de açúcar no sangue estável ao longo do dia. De 2 a 2 horas ou de 3 a 3 horas faça uma pequena refeição, mantendo as principais.



4. Pequenos almoços ou lanches ricos em doces
Como já foi referido no Alerta Saúde em vários artigos, os doces são ricos em hidratos de carbono simples que são absorvidos rapidamente. Pode ingerir doce se lhe dá prazer, mas ingira também algum hidrato de carbono complexo para ter energia por um maior período de tempo. Por exemplo, se gosta de doce de morango, ingira-o juntamente com pão integral.

5. Beber café em excesso.
Ingerir café em excesso é um hábito comum quando se sente cansaço contínuo, isto porque as pessoas pensam que sendo um estimulante vai ajudar eliminar o cansaço, mas é precisamente o contrário. A cafeína estimula o sistema nervoso e em excesso vai aumentar a ansiedade e irritabilidade. 2 fatores que provocam cansaço contínuo.

Hábitos a evitar/eliminar relacionados com saúde mental:

1. Não praticar nenhuma atividade física
Atividade física estimula o cérebro e evita a fadiga mental.



2. Não dormir o tempo suficiente

3. Não exercitar a mente
Atividades como ler, palavras cruzadas, sudoku, entre outras são uma forma muito eficiente de estimular o cérebro e prevenir o cansaço mental.

4. Não arejar o local onde permanece
Quer seja no trabalho ou em casa deverá procurar arejar o ambiente de modo a respirar oxigénio “fresco” e de qualidade de modo a que seja realizada uma correta oxigenação do sangue. É algo essencial para eliminar a sensação de fadiga.

Partilhe e ajude os seus amigos eliminar hábitos que provocam cansaço!

PARTILHE!
Categorias: AlertasPrevenção

Alerta Saúde

O portal Alerta Saúde tem a missão basilar de zelar e cuidar da Saúde dos portugueses. Através do compromisso de divulgação de conteúdo fidedigno da área da Saúde, como também através da disponibilização aos seus utilizadores dos meios necessários para que acedam de forma célere e intuitiva aos conteúdos pretendidos.